Pesquisar

EUA suspende circulação em ponto fronteiriço devido a entradas de migrantes irregulares

Mais de 240 mil migrantes tentaram entrar nos EUA pela fronteira sul

O Serviço de Alfândega e Proteção de Fronteiras dos EUA (CBP, na sigla em inglês) anunciou na segunda-feira, 27, o fechamento temporário de uma das pontes de entrada em Eagle Pass, Texas, e a redução do processamento de veículos em Lukeville, Arizona, devido ao aumento de migrantes que tentam cruzar a fronteira entre México e EUA de forma irregular.

“Os EUA continuam a assistir a níveis crescentes de encontros de migrantes na fronteira sudoeste, alimentados por contrabandistas que vendem desinformação para atacar indivíduos vulneráveis e encorajar a migração”, disse o CBP em comunicado. Em outubro, 119.629 migrantes foram registrados na fronteira do Texas e outros 65.231 no Arizona.

No total, 240.988 migrantes foram registrados na fronteira sul dos Estados Unidos no mês de outubro, um aumento de 4% em relação a outubro do ano passado, quando foram registradas 231.529 tentativas de entrada no país.

“Em resposta a este afluxo de encontros, continuaremos a mobilizar todos os recursos disponíveis para processar os migrantes de forma rápida e segura”, afirmou o CBP, que destacou que continuará aplicando medidas legais contra “aqueles que não têm base legal para permanecer nos Estados Unidos.”

Desde maio, quando o Título 42 foi suspenso e substituído pelo Título 8, o Departamento de Segurança Interna (DHS, na sigla em inglês) removeu mais de 355.000 migrantes irregulares, entre eles mais de 54.000 membros de grupos familiares. “Esses indivíduos e famílias estão sujeitos a uma proibição mínima de cinco anos para solicitar novamente a admissão e a um possível processo criminal se posteriormente reentrar sem autorização”, afirmou o CBP em comunicado de 14 de novembro.

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]