Pesquisar

Formação sobre Regularização Migratória: MIGRAIDH-Cátedra Sergio Vieira de Mello – UFSM em colaboração com o Centro de Atendimento ao Migrante – CAM

Em mais uma iniciativa pioneira, o MIGRAIDH-Cátedra Sergio Vieira de Mello – UFSM em parceria com o Centro de Atendimento ao Migrante da Congregação das Irmãs Scalabrinianas, conduziu uma sessão informativa e formativa sobre regularização migratória. O encontro teve como foco a introdução aos novos membros sobre os conceitos fundamentais que norteiam o processo de regularização migratória no Brasil, ministrada pelo coordenador do CAM, professor Adriano Pistorelo.

A formação abordou tópicos cruciais como as diferentes modalidades de autorização de residência – provisória, temporária e definitiva – além de detalhar o procedimento para a obtenção da autorização de residência prévia. Um dos momentos chave do evento foi a explicação das vias legais para a regularização migratória, incluindo a atuação junto à Polícia Federal para obtenção de autorização de residência e as especificidades do registro como atualização de residência.

O sistema migratório da Polícia Federal, “SISMIGRA”, foi explorado, assim como os procedimentos para solicitação de refúgio junto ao Comitê Nacional de Refugiados. Os participantes também foram instruídos sobre como obter autorização de residência, enfatizando a importância do registro adequado para os migrantes no Brasil.

A interação entre alunos da UFSM e colaboradores de casas de passagem, proporcionou um ambiente rico em aprendizado e troca de experiências. Este evento não apenas destacou o papel vital da Congregação das Irmãs Scalabrinianas no apoio à integração dos migrantes, mas também reforçou o compromisso da universidade e do MIGRAIDH em construir uma sociedade mais justa, solidária e fraterna.

Através dessa colaboração, pontes são construídas diariamente, visando a integração completa do migrante na sociedade acolhedora, sempre com uma perspectiva local, mas de olho no impacto global. Este encontro marca o início de um diálogo continuado, com planos já em andamento para futuras sessões formativas que aprofundarão ainda mais os temas de regularização migratória.

O evento é um lembrete poderoso da importância da educação e do apoio contínuo aos migrantes, enfatizando a necessidade de solidariedade e ação comunitária para facilitar sua transição e integração.

Por Adriano Pistorelo, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
julho 2024
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]