Pesquisar

Mais de 77 mil pessoas foram reconhecidas como refugiadas no Brasil em 2023

Brasil tem mais de 143 mil refugiados reconhecidos

De acordo com a 9ª edição do relatório Refúgio em Números, o governo brasileiro reconheceu um total de 77.193 refugiados. O relatório é uma publicação anual do Comitê Nacional para Refugiados (Conare), organizado pela equipe do Observatório das Migrações Internacionais (OBMigra), a partir de dados oficiais do governo federal.

O documento aponta que, no total, o Brasil tem 143.033 pessoas reconhecidas como refugiadas. Apenas em 2023, o país recebeu 58.628 novas solicitações de refúgio, de um total de 406.695 pedidos recebidos desde 2011.

Do total de solicitações recebidas em 2023, mais de 50% foram de venezuelanos, que fizeram 29.467 pedidos de reconhecimento da condição de refugiado. Em seguida, estão os cubanos, que correspondem a 19,6% do total, com 11.479 pedidos, e os angolanos, com o equivalente a 6,7%, com 3.957 solicitações.

Além disso, 14.244 das solicitações em 2023 foram de menores de 15 anos, dos quais 6.549 tinham de 0 a 6 anos e 5.312 tinham de 7 a 11 anos. Ainda, 12.389 dos solicitantes tinham de 15 a 24 anos e 20.552 tinham entre 25 a 39 anos.

As solicitações de reconhecimento da condição de refugiado examinadas pelo Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), dentro do Ministério da Justiça e Segurança Pública, chegaram a 138.359 em 2023, o que representa um aumento de 235% em relação a 2022. Os venezuelanos corresponderam a 112.644 do total, o equivalente a 81,4%. O relatório destaca, ainda, as solicitações de cidadãos do Haiti, com 7.735 (5,6%), Cuba, com 3.961 (2,9%), Angola, com 2.298 (1,7%) e Bangladesh, com 1.600 (1,2%).

O relatório Refúgio em Números 2024 pode ser acessado na íntegra em https://portaldeimigracao.mj.gov.br/pt/dados/refugio-em-numeros

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
julho 2024
S T Q Q S S D
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]