Pesquisar

UNICEF: mais de 17 mil crianças migrantes chegaram à Itália pelo mar em 2023

Mais de 152 mil migrantes chegaram à Itália em 2023

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) da Itália lançou nessa sexta-feira, 15, o relatório “A fronteira dos direitos”, que destaca os altos números de migrantes chegados à Itália desde janeiro, entre eles mais de 17 mil menores desacompanhados, em sua maioria pelo Mar Mediterrâneo. O lançamento tem em vista o Dia Internacional dos Migrantes, que será celebrado na segunda-feira, 18.

O relatório demonstra os principais eventos do ano e as questões mais relevantes dentro do cenário migratório. Entre estes, está a declaração do “estado de emergência em consequência do aumento excepcional dos fluxos de pessoas migrantes que entram no território nacional através das rotas migratórias do Mediterrâneo” pela Itália, medida que permitiu acelerar as transferências de migrantes de Lampedusa para outras áreas do país.

Segundo o UNICEF, no total, até 30 de novembro, 17.088 menores estrangeiros desacompanhados haviam chegado à Itália pelo mar, de um total de 152.272 migrantes registrados desde 1º de janeiro. Pelo menos 70% das chegadas aconteceram na ilha de Lampedusa, que observou um pico de desembarques em setembro, quando mais de 7 mil migrantes chegaram ao local em poucos dias.

O documento aponta agosto como o mês com o maior número total de chegadas, quando 25.673 desembarcaram na Itália. Outros dois meses destacados pelo relatório são julho e setembro, quando, respectivamente, 23.480 e 19.149 migrantes chegaram ao país.

Desde o início de 2023, pelo menos 2.211 pessoas perderam a vida no mar, apenas na rota do Mediterrâneo Central, de um total de 2.511 migrantes que morreram em todas as regiões do Mediterrâneo, de acordo com o projeto Missing Migrants, da Organização Internacional para as Migrações (OIM).

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]