Pesquisar

AESC News #57: Confira as notícias do mês de novembro

Confira a edição 57 da AESC News, com notícias dos acontecimentos do mês de novembro nas áreas de Saúde, Educação e Responsabilidade Social, além de temas ligados à Gestão Institucional e iniciativas da Congregação das Irmãs Missionárias de São Carlos Borromeo-Scalabrinianas.


INSTITUCIONAL

AESC dá início ao mapeamento de iniciativas ESG em toda a instituição

Um dos temas estratégicos da atualidade nos ambientes corporativos, o ESG – Ambiental, Social e Governança (da sigla em inglês “Environmental, Social and Governance”), ganhou espaço na agenda das lideranças da AESC a partir de novembro.

No dia 9/11, o Gerente de Infraestrutura Marcelo Marciano e a Especialista em Sustentabilidade Ambiental Gabrielle Zanin apresentaram, no auditório do Mãe de Deus e via Teams, o plano de ação que tem como ponto de partida o mapeamento das iniciativas promovidas atualmente em todas as unidades e serviços da instituição. Todas as etapas são acompanhadas pelo Escritório de Projetos (PMO).

Considerada um dos pilares do Planejamento Estratégico 2022-2026, a temática ESG, no ambiente da AESC, conecta grandes referências (métodos, boas práticas) como norteadores do trabalho, como os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS/ONU) e a Prática Recomendada 2030, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT PR 2023).

Até meados de dezembro, os Grupos de Trabalho (GT) multidisciplinares, formados por lideranças e colaboradores de diferentes áreas, se reúnem de forma híbrida (presencial e online) para mapear as atividades, que são registradas em matrizes de cada uma das vertentes: Governança, Ambiental e Social, com enfoque também nas Pessoas. O resultado será compilado e servirá para guiar os rumos do projeto ESG ao longo de 2024.


Lançado o Educa+, modelo de educação corporativa da AESC

No final de outubro, aconteceu o lançamento oficial do modelo de educação corporativa da AESC: o educaMAIS, trazendo a proposta de mais qualificação e mais oportunidades para os colaboradores. O novo modelo de Educação está estruturado em quatro trilhas de desenvolvimento: institucional, profissional, líderes e equipes.

Na abertura, a Ir. Lucia Boniatti, diretora presidente da AESC, fez um convite especial para que os gestoras e gestores façam parte da construção deste novo cenário educacional. A apresentação também teve um momento descontraído para trocas e dinâmicas entre os participantes. Junto ao lançamento foi divulgado o novo grupo educaMais, no Workplace, e a comunidade educamais no WhatsApp, onde serão lançados convites para os treinamentos.


Livro resume e atualiza biografia de São João Batista Scalabrini

Conteúdo do site MigraMundo, por Rodrigo B. Delfim

Está disponível para o público no Brasil um livro intitulado “O Santo dos Migrantes”, que resume e atualiza a biografia do sacerdote italiano João Batista Scalabrini, canonizado em outubro de 2022. O livro é um compilado de textos organizado pelo padre Graziano Battistella, Secretário Geral da Congregação Scalabriniana e postulador da canonização do sacerdote. A obra sintetiza a biografia oficial e mais completa de Scalabrini, escrita por Mario Francesconi, da década de 1980.

A publicação sai pela Editora Paulus, com 378 páginas, sendo cem delas com citações bibliográficas, incluindo uma série de documentos produzidos pelo próprio Scalabrini, além de material fotográfico.

A partir da trajetória de vida de Scalabrini, é possível acessar uma série de questões que pautaram o cotidiano na Península Itálica no século 19: o processo de unificação da Itália e seus primeiros anos, a Revolução Industrial no país europeu, o debate sobre o comunismo e a própria movimentação de italianos saindo do campo em direção às cidades e também em barcos – com destino especialmente ao continente americano, incluindo o Brasil.


SAÚDE COMPLEMENTAR

Iniciado o período de cogestão do Hospital Nossa Senhora dos Navegantes

No dia 24/11, teve início o período de cogestão do Hospital Nossa Senhora dos Navegantes (HNSN), exercida pela direção do hospital, pela instituição ingressante e pela Prefeitura de Torres, com prioridade para a preservação das operações hospitalares e o atendimento à comunidade de Torres e região.

O processo dá continuidade à sucessão anunciada em julho. O Instituto Brasileiro de Saúde, Ensino, Pesquisa e Extensão para o Desenvolvimento Humano (IBSAÚDE) é o parceiro sucessor.

A direção do HNSN reforça o estreito e contínuo diálogo com o poder público e a transparência com colaboradores e com a sociedade desde o início deste processo. O atendimento à população não foi afetado, bem como foram realizados os investimentos previstos, incluído o preparo para o aumento de demanda sazonal que ocorre no verão.

Nas próximas semanas, o hospital, o IBSAÚDE e a Prefeitura devem estabelecer e divulgar o cronograma da sucessão.

Os colaboradores do HNSN e a comunidade torrense serão continuamente informados sobre os próximos passos. A Direção agradece o apoio recebido ao longo do processo de sucessão.


Comissão inicia preparativos para os 60 anos do Hospital Santa Luzia

Está chegando a data dos 60 anos do Hospital Santa Luzia (HSL). Fundado em 10 de dezembro de 1963, é referência para Capão da Canoa e microrregião, compreendendo os municípios de Xangri-lá, Terra de Areia, Maquiné e Itati. O HSL está sob administração da AESC desde setembro de 1996.

Para organizar o calendário que celebra as seis décadas de atividades, uma comissão foi composta com pessoas das áreas assistencial, administrativa, marketing e direção, além da presença da Irmã Gertrudes Bordignon, representando a Congregação.

Entre as iniciativas, estão dois vídeos com depoimentos de pessoas que fazem parte dessa bela história, repleta de exemplos de acolhimento, profissionalismo, amor e superação. Também haverá a realização de uma missa e a publicação de matérias especiais no jornal A Folha do Litoral e na página do HSL no Facebook. Em breve, a programação completa será divulgada, junto com o Selo Comemorativo dos 60 anos.


HSL promove treinamentos preparatórios para ao Verão

A Emergência do Hospital Santa Luzia está em constante atualização e reciclagem. Mas, com a chegada da temporada de verão, é necessário redobrar as capacitações, para que a equipe esteja qualificada para atender a todas as intercorrências que a alta demanda desse período do ano apresenta.

No dia 8/12, haverá uma sequência de alta qualidade em treinamentos de emergência, com a participação de diversos profissionais, tanto do HSL quanto de outros hospitais. O objetivo é qualificar as equipes para ofertar uma assistência cada vez melhor aos pacientes.


Rede de cuidados à pessoa com deficiência é tema da 2ª Jornada do CER II – Santa Ana

Cerca de cem pessoas, entre profissionais da saúde, estudantes e representantes do poder público participaram da 2ª Jornada do Centro Especializado em Reabilitação Auditiva e Intelectual do Hospital Santa Ana (CER II Santa Ana), ocorrida no dia 29/11, no auditório da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Fabico/UFRGS), em Porto Alegre.

Com o tema “Desatando nós e tecendo a rede de cuidados à pessoa com deficiência”, o evento integrou a programação de 5 anos do Hospital Santa Ana e debateu assuntos relacionados à importância da intervenção em estimulação precoce, saúde mental na pessoa com deficiência, novas propostas terapêuticas e a clínica ampliada como estratégia na melhora da qualidade de vida dos usuários.

De acordo com a coordenadora do CER II, fonoaudióloga Otilia Angst, “o objetivo foi apresentar aos diferentes serviços da rede o modelo de cuidado integral desenvolvido pela gestão e equipe multidisciplinar do CER II Santa Ana, além de promover o fortalecimento do acesso e cuidado às pessoas com deficiências, sobretudo no que diz respeito à Reabilitação Intelectual e Auditiva”, afirma.

A abertura do evento teve a participação do diretor de Atenção Hospitalar da Secretaria Municipal da Saúde de Porto Alegre, Favio Telis, representando o secretário Fernando Ritter, do diretor executivo de Saúde Complementar da AESC, Maximiliano das Chagas Marques, e da Irmã Ana Maria Zanon, da área de Gente e Desenvolvimento, além da diretora do Hospital Santa Ana e dos CAPS AD sob a gestão da AESC, Arlete Fante.


SAÚDE SUPLEMENTAR

Inaugurada a Nova Unidade Carlos Gomes do Hospital Mãe de Deus

Estar de bem com você é uma sensação única. É por isso que o Mãe de Deus – Unidade Carlos Gomes se transformou. Um hospital dia mais moderno, com alta tecnologia, segurança e uma equipe de especialistas para proporcionar um atendimento de excelência em todos os sentidos.

Uma estrutura cheia de novidades, que integram o melhor em tecnologia e conforto ao nosso DNA de acolhimento, entregando uma experiência premium para oferecer mais saúde para nossos pacientes.

O novo espaço foi inaugurado no dia 13/11 e está totalmente disponível. Confira os principais diferenciais e conheça a nova Unidade Carlos Gomes:

>Hospital Dia Cirúrgico com estrutura premium
>Primeira sala MEDglas da América Latina
>Pronto Atendimento de Traumatologia e Ortopedia
>Estar-médico com luz natural
>15 salas cirúrgicas com adesivagem inspirada nas 7 maravilhas do mundo
>Salas de recuperação com leitos premium
>Recepção integrada com hotel
>Hemodiálise
>Retaguarda imediata do Hospital Mãe de Deus


Parceria Mãe de Deus e Unisinos irá beneficiar estudantes da área da saúde

O Hospital Mãe de Deus firmou uma parceria com a Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos) para receber os alunos da Escola de Saúde, que terão as instalações do Hospital como campo de prática e outras vantagens e colaborações entre as instituições. A Irmã Lucia Boniatti, presidente do HMD, e o reitor da Unisinos Pe. Sergio Mariucci, assinaram o termo da parceria.

“Que nós possamos continuar sempre trabalhando com uma instituição como a Unisinos, uma universidade que prezamos muito e por termos uma afinidade como instituição. É uma alegria termos esse momento para concretizar nossa caminhada juntos”, afirma a Irmã Lucia Boniatti.

Estiveram presentes o Diretor Executivo Corporativo da Associação Educadora São Carlos – AESC, João Feijó, o Diretor Geral do Hospital Mãe de Deus, Rafael Cremonese, o Diretor Executivo de Saúde Complementar da AESC, Maximiliano Marques, o Gerente de Inovação da AESC, Diego Ramires e a Coordenadora de Ensino e Pesquisa da AESC, Juliane Scherer. Pela Unisinos, além do reitor, o Pró-reitor Acadêmico e de Relações Internacionais, Guilherme Trez, a Decana da Escola de Saúde, Rochele Rossi e Orival Bonicoski marcaram presença na solenidade.


EDUCAÇÃO

Lançada a JUVESC: Juventude Scalabriniana

A Juventude Scalabriniana – JUVESC é um movimento de jovens católicos que, seguindo os passos de Jesus Cristo, colocam-se nas pegadas de São João Batista Scalabrini, bispo e apóstolo dos migrantes. Dentre as atividades, agir em prol dos mais necessitados, buscar formas de viver os valores scalabrinianos no dia a dia, ser ferramenta de promoção de paz, igualdade, acolhida e respeito entre os integrantes da nossa Casa Comum.

O lançamento oficial da JUVESC aconteceu no dia 25/11, nas 12 escolas que integram a Rede ESI. Para marcar o momento, nos três colégios da AESC foram entregues as camisetas do movimento, junto com atividades específicas de cada cidade.

No ESI São Carlos em Caxias do Sul e no ESI Lourdes, em Farroupilha, foi apresentada a coreografia do grupo. Em Caxias o momento terminou com a Celebração Religiosa na Igreja São Pelegrino. No ESI São Carlos SVP, em Santa Vitória do Palmar, foram entregues as camisetas que marcam o movimento e apresentada a coreografia com o hino da JUVESC. Para finalizar, os jovens participaram da Santa Missa em Ação de Graças pela fundação do grupo.

Os encontros da JUVESC acontecem semanalmente e são guiados pelo pastoralista da unidade. Em Caxias, os momentos são conduzidos pela Irmã Neusa Spagnol e pelo professor Uilian Dalpiaz. Em Santa Vitória do Palmar, pelo professor Marcelo Correa, e em Farroupilha, pela professora Fernanda Bortolini.São encontros que proporcionam alegria, socialização e pertencimento, além de desenvolver habilidades como o protagonismo e a liderança.


Consciência Negra: ações afirmativas para uma Educação Antirracista

Através de um olhar voltado a um passado não tão distante, o Projeto Continuado intitulado Ações afirmativas para uma Educação Antirracista no Ensino Fundamental, do Colégio ESI São Carlos – Santa Vitória do Palmar, busca construir, desde 2021, espaços e diálogos para trocas interculturais, trabalhando sempre o respeito as diferenças, fazendo com que todos os alunos envolvidos compreendam a diversidade de cada um, seja ela em sua cultura, música, religião, entre outros fatores que nos tornam indivíduos únicos na sociedade.

O Projeto destaca um dos valores da Rede ESI (Educação Scalabriniana Integrada): a Comunhão na Diversidade. Para além de sensibilizar os alunos sobre a importância da luta, é trazer à consciência os processos que desencadearam o contexto atual, no qual tamanha desigualdade racial, econômica e social é realidade no Brasil. É necessário que se entenda a importância de dar voz ao coletivo, estar ao lado durante a luta e fazer com que as vozes que pedem pelo seu direito a existência sejam de fato ouvidas e respeitadas.

A iniciativa, conduzida pela coordenadora pedagógica da Educação Infantil e Anos Iniciais, professora Célis Amaral, teve exposição nacional por meio do site scalabrinianas.org, da Congregação.


RESPONSABILIDADE SOCIAL

Visita de magistradas ao CAM repercute em iniciativas de apoio à temática migratória

A visita das magistradas Milene Dal Bó e Carina Chini Falcão, titulares da 1ª e 2ª Vara de Família de Caxias do Sul, ao Centro de Atendimento ao Migrante (CAM), no início de novembro, contribuiu nas discussões sobre acesso à justiça e as especificidades do direito de família e as imigrações contemporâneas.

Durante o encontro no CAM, juízas abordaram os obstáculos jurídicos frequentemente encontrados por migrantes, com foco particular nas implicações dentro do direito de família. A troca de experiências despertou para a necessidade de uma compreensão mais aprofundada das leis que afetam diretamente esse grupo.

Na ocasião, foi decidida a criação de um manual que aborde o direito migratório e humanitário, visando oferecer um recurso didático e consultivo para operadores do direito, migrantes e interessados. “A iniciativa representa um passo significativo no sentido de esclarecer os direitos e os processos legais pertinentes a essa população”, destaca o coordenador de Responsabilidade Social no CAM, Adriano Pistorelo.

Outro encaminhamento foi a implementação de um programa de capacitação em direito migratório e temas correlatos, como os direitos transversais e de família, que impactam diretamente a realidade dos migrantes. Este programa visa fortalecer a rede de apoio existente e melhorar a qualidade do atendimento e da assistência jurídica oferecida.

As magistradas também foram convidadas a ministrar a aula de encerramento do projeto #Formigra2023, que acontecerá no dia 13/12. A aula irá destacar os direitos dos migrantes e abordará o direito de família, refletindo as práticas judiciais das varas que estão a frente e a necessidade de evolução.


Professores das Cátredras Sérgio Vieira de Mello conhecem o trabalho do CAM

O Centro de Atendimento ao Migrante (CAM) recebeu, em 7/11, representantes do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), professores das Cátedras Sérgio Vieira de Mello (CSVM) de diversas regiões do Brasil, e do diretor Cáritas SP, padre Marcelo Maróstica. Recebidos pela diretora da CAM, Irmã Celsa Zucco, e o coordenador de Responsabilidade Social, Adriano Pistorelo, os visitantes conheceram as instalações e os iniciativas promovidas pela instituição.

Os representantes tiveram acesso aos serviços, programas e projetos em desenvolvimento, e foi enfatizada a necessidade de ampliar a integração dos migrantes na sociedade gaúcha, bem como criar ações estratégicas para fortalecer a conexão entre os migrantes e a comunidade local, visando a uma integração social mais efetiva e humanizada.


Congregação e CAM presentes no lançamento do “Cidades Acolhedoras”

Confira no perfil do CAM no Instragram (@migrantes.cam) a participação do representante da Província Maria Mãe dos Migrantes e do CAM no evento de lançamento da “Rede Nacional de Cidades Acolhedoras: construindo territórios de cidadania”.

@migrantes.cam: https://www.instagram.com/p/CzcCNw4u99A/


SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

Principais tipos de golpes que podem acontecer nas Festas de Fim de Ano

Golpe de pedidos falsos
É fácil perder o controle das suas compras. Os golpistas aproveitam isso enviando informações falsas sobre pedidos. Elas podem parecer reais, mas escondem links falsos com malware, vírus ou links de phishing para roubar informações.

Golpe de sites falsos
Os golpistas criam sites falsos similares aos reais. Depois criam links direcionando as compras para estes sites com conteúdo convenientes. Esta técnica de phishing pretende coletar seus dados pessoais e financeiros

Golpe de descontos falsos

  • Nesse golpe os fraudadores oferecem descontos tentadores em produtos que estão na moda e que chamam a atenção. Quando você clica no anúncio ele direciona para um site falso com o objetivo de roubar suas informações.
  • Dicas
  • Não compre de sites desconhecidos (utilize sempre fontes confiáveis).
  • Verifique regularmente seu extrato bancário e histórico de crédito. Acompanhe seus gastos e configure alertas em seu telefone.
  • Use uma rede segura para fazer compras online ou realizar uma transação bancária. Nunca utilize wifi público para estes fins.
  • Mantenha o sistema e o dispositivo que você usa para fazer compras sempre com as atualizações mais recentes.

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]