Pesquisar

Diálogo é “o único caminho para ter paz”, afirma Papa Francisco

Após o Angelus, o Papa Francisco agradeceu a Deus pela trégua entre Israel e Hamas

Após a recitação do Angelus de domingo, 26, o Papa Francisco recordou os povos que sofrem com conflitos, em especial a Ucrânia e o Oriente Médio. O Pontífice agradeceu pela trégua entre Israel e Hamas e lembrou, ainda, de sua viagem aos Emirados Árabes Unidos para participar da COP28 em Dubai.

“Por todos os povos dilacerados pelos conflitos, continuemos a rezar sem nos cansarmos”, exortou o Papa, que ressaltou que “a oração é a força da paz que quebra a espiral do ódio, rompe o ciclo da vingança e abre caminhos de reconciliação que não se esperam.”

Francisco agradeceu a Deus pela trégua entre Israel e Hamas e a libertação de reféns. Ele pediu, ainda, pela libertação das demais pessoas mantidas prisioneiras pelos dois lados. “Pensemos em suas famílias!”, suplicou o Papa, que insistiu que o diálogo é “o único caminho para ter paz. Aqueles que não querem o diálogo não querem a paz”.

Segundo autoridades palestinas, a ofensiva de Israel em resposta ao ataque do Hamas, que matou cerca de 1.200 pessoas em 7 de outubro, já matou mais de 14 mil pessoas na faixa de Gaza.

O Pontífice voltou seu olhar, também, para a celebração do Holomodor pela Ucrânia, “ferida lacerante, em vez de sarar, torna-se ainda mais dolorosa com as atrocidades da guerra que continua a fazer sofrer aquele querido povo”. Segundo a ONU, mais de 10 mil civis já morreram por causa da guerra na Ucrânia desde o início do conflito, em 24 de fevereiro de 2022.

O Papa recordou sua viagem para participar na COP28 em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, no próximo fim de semana. “Para além da guerra, o nosso mundo está ameaçado por outro grande perigo, o climático, que põe em risco a vida na Terra, especialmente as gerações futuras”, afirmou o Papa.

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]