Pesquisar

“A missão para todos requer o empenho de todos”: a Mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões

Dia Mundial das Missões 2024 será celebrado em 20 de outubro

Foi divulgada nessa sexta-feira, 2, a Mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões, que será celebrado em 20 de outubro. O tema “Ide e convidai a todos para o banquete” foi extraído da parábola evangélica do banquete nupcial (cf. Mt 22, 9).

Francisco reflete que a frase utilizada como tema, no contexto da parábola e da vida de Jesus, ilustra aspectos importantes da evangelização. “Tais aspectos revelam-se particularmente atuais para todos nós, discípulos-missionários de Cristo, nesta fase final do percurso sinodal que, de acordo com o lema «Comunhão, participação, missão», deverá relançar na Igreja o seu empenho prioritário, isto é, o anúncio do Evangelho no mundo contemporâneo.”

O Papa destaca que, no início da ordem do rei aos seus servos, há dois verbos que expressam o núcleo da missão: «ide» e chamai, «convidai».

O Pontífice lembra que, em relação ao primeiro verbo, os servos já haviam sido enviados para transmitir a mensagem do rei aos convidados. “Daqui se deduz que a missão é ida incansável rumo a toda a humanidade para a convidar ao encontro e à comunhão com Deus. Incansável! Deus, grande no amor e rico de misericórdia, está sempre em saída ao encontro de cada ser humano para o chamar à felicidade do seu Reino, apesar da indiferença ou da recusa”, ressalta ele.

Da mesma forma que os servos saem para chamar os convidados, Jesus “andava à procura das ovelhas perdidas”, indo cada vez mais longe para buscar aquelas mais distantes. “Quer antes quer depois da sua ressurreição, disse aos discípulos «ide», envolvendo-os na sua própria missão (cf. Lc 10, 3; Mc 16, 15). Por isso, a Igreja continuará a ultrapassar todo e qualquer limite, sair incessantemente sem se cansar nem desanimar perante dificuldades e obstáculos, a fim de cumprir fielmente a missão recebida do Senhor.”

Francisco agradece aos missionários e missionárias que partem para longe de sua pátria atendendo ao chamado de Cristo para levar a Boa Nova. “Irmãs e irmãos muito amados, a vossa generosa dedicação é expressão tangível do compromisso da missão ad gentes que Jesus confiou aos seus discípulos: «Ide e fazei discípulos de todos os povos» (Mt 28, 19)”, escreve.

Ainda falando da ordem do rei aos servos, o Papa reflete que o “convidar” faz vislumbrar outro aspecto da missão confiada por Deus. “Como se pode imaginar, aqueles servos-mensageiros transmitiam o convite do soberano assinalando a sua urgência, mas faziam-no também com grande respeito e gentileza”, ressalta. Da mesma forma, a missão de anunciar o Evangelho deve ser realizada com alegria e benevolência, sem imposição, sempre com proximidade, compaixão e ternura, refletindo o modo de ser de Deus.

O Pontífice recorda, ainda, o Ano da Oração em preparação para o Jubileu de 2025, convidando todos para intensificar “sobretudo a participação na Missa e a oração pela missão evangelizadora da Igreja”, que não cessa de “elevar a Deus, em cada celebração eucarística e litúrgica.”

“A missão para todos requer o empenho de todos”, ressalta Francisco, enfatizando a necessidade de continuar o caminho a uma Igreja sinodal-missionária ao serviço do Evangelho. “Hoje, é ainda mais urgente e necessária uma estreita cooperação missionária seja na Igreja universal, seja nas Igrejas Particulares”, afirma.

Francisco conclui recordando Maria, “que obteve de Jesus o primeiro milagre precisamente numa festa de núpcias, em Caná da Galileia”. Nesse momento, ele ressalta, Deus ofereceu aos noivos e aos convidados a abundância do vinho novo, sinal do banquete nupcial que Ele prepara para todos no fim dos tempos. “Também hoje peçamos a sua intercessão materna para a missão evangelizadora dos discípulos de Cristo”, pede o Papa, exortando os fiéis a levar a todos com júbilo, solicitude, ternura e carinho o convite do Rei Salvador.

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]