Pesquisar

Aconteceu em Angola o primeiro Encontro Nacional dos Sectores Específicos da CEPAMI

Aconteceu nos dias 10 e 11 de maio, no Centro Profissional do Loango, Município de Catumbela, Diocese de Benguela, Angola, o primeiro encontro nacional dos sectores específicos da Comissão Episcopal da Pastoral para os Migrantes e Itinerantes de Angola e São Tomé (CEPAMI). Participaram do Encontro Nacional 45 pessoas, que representaram 14 dioceses.

No primeiro dia, o encontro contou a com a presença de Sua Excelência Reverendíssima Dom Estevão Binga, Bispo Auxiliar de Benguela, que proferiu as palavras de abertura. Durante os dois dias, ressaltou-se os seguintes temas: – A diferenciada co-responsabilidade Pastoral numa igreja sinodal em missão – dinamizou o tema o Padre José Brinco; – Deus caminha com o seu povo, por Padre Adriano Ulombe Ângelo; – A organização e estrutura da CEPAMI, dinamizou o Sr. Octávio Buco; – Introdução aos sectores específicos, abordou este tema a Ir. Carla Frey.

Foram, também, tratados os temas:A pastoral da Estrada; Pastoral da Estrada, realidades e perspetivas, por Padre Juan Francisco Midence; Apostolado do Mar, realidade e perspetivas, por Padre José César Marcelino. No ultimo dia celebrou-se a missa presidida pelo Padre Juan Francisco Midence. Refletiu-se as seguintes temáticas: – A importância das pastorais sociais na igreja, dinamizou o tema o Padre Feliciano Palanca, em representação do Bispo Auxiliar Dom Estevão Binga; – Pastoral da Aviação civil, realidade e perspetivas, dinamizou de forma virtual Padre António Barbosa; – A pastoral dos migrantes e refugiados, orientou de forma virtual o Padre Samuel Tumbula.

Da Equipe da CEPAMI, com a Equipe de Comunicação.

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
maio 2024
S T Q Q S S D
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]