Pesquisar

“Promover percursos de paz, colaboração e integração” em Marselha, pede Papa Francisco

Papa irá participar do festival “Encontros Mediterrâneos”, que reúne países que fazem fronteira com o Mar Mediterrâneo

Após o Angelus de domingo, 17, o Papa Francisco falou sobre sua viagem a Marselha, na França, na sexta-feira, 23, e no sábado, 24, para participar do festival “Encontros Mediterrâneos”, que reúne líderes eclesiais e civis dos países que fazem fronteira com o Mar Mediterrâneo.

O fenômeno migratório na região do Mediterrâneo é um dos principais assuntos tratados no encontro, “que se realiza em importantes cidades do Mediterrâneo, reunindo líderes eclesiais e civis para promover percursos de paz, colaboração e integração em torno do mare nostrum”, destacou o Papa.

As migrações não são um desafio fácil, ressaltou Francisco, mas “deve ser enfrentado em conjunto, pois é essencial para o futuro de todos, que só será próspero se for construído sobre a fraternidade, colocando em primeiro lugar a dignidade humana, as pessoas concretas, especialmente as mais necessitadas”, disse.

Francisco pediu, ainda, que os fiéis o acompanhem em oração e agradeceu “às autoridades civis e religiosas e a todos aqueles que estão trabalhando para preparar o encontro em Marselha, uma cidade rica de povos, chamada a ser um porto de esperança.”

Aumento de desembarques em Lampedusa
Na semana passada, cerca de 10 mil migrantes chegaram à ilha italiana de Lampedusa, o que elevou o número de desembarques na Itália pelo Mediterrâneo Central a 125 mil pessoas em 2023. Pelo menos 2.078 pessoas morreram ou desapareceram na região desde janeiro.

Segundo o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), desde o início de 2023, mais de 160 mil migrantes chegaram à Espanha, Itália, Grécia, Malta e Chipre pelo Mediterrâneo. Em 2022, o total de chegadas a esses países foi de 159.410 pessoas.

Por Amanda Almeida, da Equipe de Comunicação

Compartilhe esta informação. É muito importante.

As pessoas também estão lendo:

AGENDA DE PUBLICAÇÕES
fevereiro 2024
S T Q Q S S D
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829  

Irmãs Scalabrinianas

Estão presentes em muitos países do mundo.
Para melhor exercer sua missão, a Congregação divide-se em províncias/regiões de missão.
 
Nestes espaços, as irmãs se dedicam à missão que aceitaram realizar, comprometendo-se com a vida, especialmente dos que mais sofrem, dos migrantes, dos refugiados.
 
São mulheres que escolheram seguir o chamado de Deus, confiando-lhes uma linda e importante missão na igreja.

Siga-nos

Mais recentes no site

Conheça o trabalho das Irmãs Scalabrinianas com migrantes e refugiados

[elfsight_whatsapp_chat id="5"]